15% de Reajuste em Maio, para todos!

17 mar
Reunião do Fórum dos Servidores - 13/03/2009

Reunião do Fórum dos Servidores - 13/03/2009

Fórum das Entidades Sindicais
15% de reajuste salarial para todos os servidores, já em maio. Esse é o principal reivindicação do Fórum dos Servidores Estaduais. O Fórum é uma entidade que reúne os sindicatos representantes das diversas categorias do serviço público do Paraná. A reunião que decidiu a pauta da campanha salarial unificada foi em 13 de março e ainda foi debatida a preparação para a reunião com os secretários Enio Verri, do Planejamento, e Maria Marta, da Administração, que acontecerá na próxima quinta-feira, 19 de março.

Conheça a pauta da Campanha Salarial Unificada:

– Reposição salarial de 15% para o conjunto dos servidores a ser aplicada em primeiro de maio.
A reivindicação tem fundamento, uma vez que nos anos de 2007 e 2008 o governo não acatou a proposta dos sindicatos e estabeleceu percentuais diferentes para as várias categorias, com o reajuste aplicado em meses diferentes.

– Passivos trabalhistas:
O Fórum define como passivo trabalhista principal o não pagamento da promoção e progressão.

O governo anunciou em 11 de novembro do ano passado o decreto da promoção. Com essa atitude, criou nas categorias uma expectativa de que esse avanço na carreira iria acontecer. Passados cinco meses, não há nenhum sinal da promoção. Essa situação não pode persistir. A promoção tem de ser estabelecida, assim como o retorno do pagamento da insalubridade ou periculosidade. A correção das gratificações (GAS), que estão com o mesmo valor desde sua implantação, precisam ser corrigidas.

– Auxílios sociais:
O governo do Estado paga auxílio-alimentação no valor de R$50,00 para os servidores que recebem menos de dois salários mínimos. O valor é irrisório e esta é uma realidade quase que inacreditável.

Já o auxílio-transporte é pago apenas para quem recebe até três salários mínimos. Outro absurdo. Quem usa transporte coletivo para trabalhar tem direito a não retirar do seu salário esse custo.

O Fórum definiu data limite para o andamento da negociação e apresentação de proposta do governo para essa pauta. Se não houver avanços, será definida uma data de mobilização geral dos servidores. Também foi decidido que todos os sindicatos deve escolher representantes para participar da mobilização do SindSaúde, no dia 30 de março. Essa é mais uma demonstração de unificação e solidariedade entre as categorias

15% de reajuste salarial para todos os servidores, já em maio. Esse é o principal reivindicação do Fórum dos Servidores Estaduais. O Fórum é uma entidade que reúne os sindicatos representantes das diversas categorias do serviço público do Paraná. A reunião que decidiu a pauta da campanha salarial unificada foi em 13 de março e ainda foi debatida a preparação para a reunião com os secretários Enio Verri, do Planejamento, e Maria Marta, da Administração, que acontecerá na próxima quinta-feira, 19 de março.

Conheça a pauta da Campanha Salarial Unificada:

– Reposição salarial de 15% para o conjunto dos servidores a ser aplicada em primeiro de maio.
A reivindicação tem fundamento, uma vez que nos anos de 2007 e 2008 o governo não acatou a proposta dos sindicatos e estabeleceu percentuais diferentes para as várias categorias, com o reajuste aplicado em meses diferentes.

– Passivos trabalhistas:
O Fórum define como passivo trabalhista principal o não pagamento da promoção e progressão.

O governo anunciou em 11 de novembro do ano passado o decreto da promoção. Com essa atitude, criou nas categorias uma expectativa de que esse avanço na carreira iria acontecer. Passados cinco meses, não há nenhum sinal da promoção. Essa situação não pode persistir. A promoção tem de ser estabelecida, assim como o retorno do pagamento da insalubridade ou periculosidade. A correção das gratificações (GAS), que estão com o mesmo valor desde sua implantação, precisam ser corrigidas.

– Auxílios sociais:
O governo do Estado paga auxílio-alimentação no valor de R$50,00 para os servidores que recebem menos de dois salários mínimos. O valor é irrisório e esta é uma realidade quase que inacreditável.

Já o auxílio-transporte é pago apenas para quem recebe até três salários mínimos. Outro absurdo. Quem usa transporte coletivo para trabalhar tem direito a não retirar do seu salário esse custo.

O Fórum definiu data limite para o andamento da negociação e apresentação de proposta do governo para essa pauta. Se não houver avanços, será definida uma data de mobilização geral dos servidores. Também foi decidido que todos os sindicatos deve escolher representantes para participar da mobilização do SindSaúde, no dia 30 de março. Essa é mais uma demonstração de unificação e solidariedade entre as categorias

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: